Uma das mais relevantes publicações peruanas, Semana Economica, fez uma matéria sobre PPPs carcerárias, intitulada “Concesiones de cárceles: un negocio atractivo, pero con riesgo político“, que pode ser acessada na íntegra clicando aqui.

A repórter Andrea Moncada ouviu o sócio da Radar PPP, Guilherme Naves, para conhecer os resultados e os desafios que a experiência internacional tem a demonstrar neste segmento.

O sócio da Radar PPP advertiu que os projetos de Parcerias Público-Privadas em complexos prisionais tendem a exigir uma sofisticação bem maior quanto ao nível de serviço prestado e a sua forma de mensuração, especialmente quando comparado com projetos de infraestrutura econômica.

No Brasil, dados do Radar de Projetos sustentam que há 03 projetos do segmento de “Sistema Prisional” assinados. Pelo menos outros 06 Estados estudam projetos de natureza similar.

PPPs Prisionais do Peru

O Escritório Comercial do Peru no Brasil revela que há um interesse crescente pelas PPPs prisionais no país e que a experiência brasileira tem servido de inspiração para a estruturação dos projetos. Pelo menos 03 iniciativas estão sendo pensadas, incluindo a realocação de estabelecimentos penitenciários e renovação de sistemas de segurança.

O Ministério do Comércio Exterior e Turismo do Peru (MINCETUR), em conjunto com o Ministério de Relações Exteriores do Peru, a Camara Peru-Brasil (CAPEBRAS) e parceiros institucionais, realizará, em 14 de Outubro, na cidade de São Paulo, o evento “Oportunidades de investimentos em projetos de infraestrutura no Peru”. Serão expostos os principais projetos dos governos regionais do Peru em carteira para 2015-2016, com total de investimentos estimados superior aos US$ 10 bilhões. Mais informações podem ser obtidas clicando aqui.